Campinas Decor 2021 – 25 anos

Campinas Decor histórica recupera prédio centenário projetado por
Ramos de Azevedo e presenteia a cidade com beleza ímpar

Tradição, história, modernidade, tecnologia e sofisticação se misturam na 25ª edição da Campinas Decor, principal mostra de arquitetura, decoração e paisagismo do interior paulista, que estará aberta ao público de 3 de setembro a 2 de novembro, com todos os cuidados exigidos pelo momento. Tendo como cenário o prédio projetado por Ramos de Azevedo no início do século 20, famoso por ter abrigado durante décadas o Cotuca (Colégio Técnico de Campinas), a exposição promete superar todas as expectativas com uma das mais belas edições de sua trajetória, além de brindar a cidade com a recuperação desse importante imóvel do patrimônio público.
Em cerca de 7 mil metros quadrados de passeio pela joia arquitetônica instalada na região central de Campinas, no número 177 da Rua Culto à Ciência, os visitantes poderão conferir, em ambientes espaçosos e com pé direito alto, o que há de mais moderno em artigos para decoração, revestimentos, mobiliário, luminotécnica, automação residencial e tudo o que envolve esse universo. As tendências se mesclam a elementos originais do imóvel, como portas e janelas de madeira maciça e pisos centenários de ladrilho hidráulico cuidadosamente revitalizados.
Pelas mãos de um time de 89 arquitetos, designers de interiores e paisagistas, 58 ambientes internos e externos se transformaram em lofts, studios, apartamentos, suítes, salas, home cinema, cozinha e espaço gourmet, entre outros, além de ambientes comerciais, como escritórios, restaurante, bar e café, dos mais variados estilos. A edição conta ainda com decks externos providenciados pela organização para ampliar os cuidados e o distanciamento entre os frequentadores.
Entre as diversas tendências apresentadas, além de muita tecnologia e da crescente preocupação com a sustentabilidade, nota-se o uso de mobiliário e peças de decoração assinados especialmente por designers brasileiros, valorização do paisagismo e muitas soluções autorais dos expositores. Os profissionais também procuraram valorizar ao máximo em seus projetos a bela arquitetura de Ramos de Azevedo. As propostas e inclusive as denominações adotadas para os ambientes mostram ampla liberdade de criação e também a atenção aos novos comportamentos relacionados ao morar e trabalhar.
Ansiosamente aguardada pelo município, a 25ª edição da Campinas Decor torna-se realidade após mais de um ano de espera devido à pandemia de Covid-19. Pelo calendário oficial do evento, ela teria sido realizada nos meses de maio e junho de 2020. Adiada até que o momento fosse considerado seguro, a mostra cumprirá todos os protocolos necessários.
A expectativa é ainda maior pela recuperação do imóvel do Cotuca, permitindo que o colégio volte a funcionar no local já no próximo ano letivo.
“Esta edição torna-se um grande marco na trajetória da Campinas Decor, o que se reforça ainda mais com todas as adversidades que precisamos superar para finalmente abrirmos as portas ao público. Além de comemorar nossos 25 anos, ela nos traz o prazer e a honra de devolvermos o prédio do Cotuca para o município, totalmente recuperado e modernizado. Nosso grau de satisfação é imenso”, afirma a diretora do evento, Sueli Cardoso.
A realização da mostra no prédio tornou-se possível graças a um convênio de permissão de uso firmado entre a organização do evento e a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), permissionária do imóvel. O termo tem como objetivo a cooperação entre a universidade e a iniciativa privada para a conservação do mesmo.
Construído no início do Século 20, o complexo do Edifício “Bento Quirino” foi cedido pela Secretaria de Educação para uso da Unicamp e de 1967 a 2014 abrigou o colégio. Trata-se uma grandiosa construção tombada pelo Patrimônio Histórico, de orientação eclética de tendência neoclássica, projetada pelo engenheiro arquiteto Francisco de Paula Ramos de Azevedo (1851 1928), considerado responsável pela introdução de novos conceitos para a organização da arquitetura escolar à luz dos ideais de ensino republicanos.

Horários: de terça a sexta-feira, das 14h às 22h; sábados, domingos e feriados, das 12h30 às 22h – bilheteria fecha sempre às 21h
Valor dos ingressos: de terça a sexta-feira, R$ 45,00; sábados, domingos e feriados, R$ 50,00; estudantes e idosos pagam meia-entrada; crianças de até 12 anos não pagam. Serviços disponíveis: restaurante, café, bar e estacionamento com manobrista (R$ 30,00)
Telefone para informações: (19) 3255-7744
www.campinasdecor.com.br

Créditos das fotos: Studio imagem – Touché Fotografia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*